Esta é uma iniciativa em educação para refletir, experimentar e criar ações em dinâmicas sustentáveis, ações de mudança no mundo.

Um dos diferenciais da Escola  Design ao Vivo, é o de estimular os grupos de aprendizagem e grupos de prática. Inspirados em José Pacheco [Escola da Ponte], e o Educação Gaia, onde os alunos tem a experiência de ‘criar vilas’, aprofundando a pesquisa de assuntos de interesse e tendências de uma equipe e confrontando na prática a vivência real com experiência em empresas e comunidades próximas e com potencial de realização.

Abaixo [imagem superior], gráfico que mostra as Dimensões da Sustentabilidade nos processos e serviços, proposto por Ignacy Sachs, com os eixos de uma visão sistêmica e articulada. Quanto maior número de itens atingidos, mais  amplia os impactos positivos. Durante o ano de 2014 e meados de 2015, uma turma de Ecodesigners nasceu a fim de desenvolver suas excelentes habilidades  para equilibrar Água, Energia, Resíduos, Co2, Biodiversidade e Florestas, e a Pobreza e exploração nas áreas da Moda, Resíduos, Educação e Construção Civil. Acompanhe em nosso Blog os acontecimentos.

Escola Design ao Vivo vem sendo estruturada há muitos anos, desde o curso de formação em ECODESIGN, em 2007, na Unindus/Fiep-Pr, quando  vitoriosos, fomos curso de extensão em ação interagindo com indústrias e o mercado. Construido por professores especialistas e experientes na intenção criar condições para profissionais do design e áreas criativas de projetos a atuar com coerência e uma atitude apropriada de criadores pró-ativos e conscientes pelo social e o planeta. Formamos 18 alunos. [veja na área depoimentos]

Naquele período, além do curso, organizamos dois seminários (em conjunto com o Núcleo de Design e Sustentabilidade da Ufpr): Embalagens e Design Sustentável e Cadeias Produtivas e Sustentabilidade.

Como resultado do curso, houveram 5 equipes de projetos ecossustentáveis, realizando como projeto final, produtos com impactos positivos, dentre os quais, 2 foram selecionados em concursos de design.  (1º e 3º. Lugar no IDEA 2009 Nacional e Internacional –  categoria estudante, e um no IF Product Design Award ). Diversos dos alunos deram continuidade em atuação relacionada e aprofundando estudos na área.

Além disto, do curso emergiu a consultoria no projeto ECOCHIC, da Moda Senai-Pr, gerando num conjunto de ações pró-ativas, dentre elas design de produto e uma linha de produção eco-eficiente na área da moda, uma marca de produtos com a cadeia produtiva sustentável e fornecedores certificados, construção de uma loja própria com diversos itens cumpridos à luz da certificação LEED e mais,  prêmios em gestão, além do 3º. lugar no prêmio Planeta Sustentável de 2009 – Joyful Sustentável, pelo conjunto das ações.

De lá até hoje, várias outras iniciativas aconteceram, ampliando leque de experiências em educação, dentre elas, coordenar o curso livre de DESIGN PARA A SUSTENTABILIDADE – Educação Gaia, em 2011, voltado a construção de ecovilas urbanas, e ‘rurbanas’ para um público misto.

Com grande alegria e coragem, abrimos o terceiro grupo de Ecodesign para ajudar a profissionais e estudantes de todas as áreas nas habilidades necessárias para as mudanças de um planeta em transição.

O que nos inspira a nos sentirmos úteis

Abaixo [imagem inferior], gráfico que mostra as dimensões afetadas e que podem servir de base [Protocolo de Kioto] a serem trabalhadas através da abordagem em Ecodesign.