Professores

Conheça os facilitadores do Programa de Ecodesign

São professores com excelência, nos módulos que são relacionados com seus conhecimentos e experiências.

Bernadete Brandão

Coordenadora do Programa de Ecodesign e Diretora da Design ao Vivo

Ecodesigner e budista, é professora, criadora de conteúdo em novas áreas no Design tais como Design e Compaixão, Design para o Consumo Ético e Consciente, Slow Design, Ecodesign Thinking, entre outros. É diretora da Escola Design ao Vivo e criadora do Programa de Ecodesign. Sua área de interesse foi a integração entre o meio ambiente, o design e o ser.

Diretora da Uia Ecodesign, escritório de consultoria e projetos. E tudo isto surge da experiência e muita prática, são 40 anos já! É designer de produto, formada pela Universidade Federal do Paraná (1983), especialista em Administração Estratégica (1986). Quase se formou para ser Psicoterapeuta em Biossíntese, mas teve lucidez e sorte, encontrou o budismo antes disto. Nada contra a Psicoterapia, que adora.

Em 1981 formou uma pequena indústria de marcenaria, um laboratório de experimentações e ideias, onde, além de diversos serviços de móveis, esquadrias e embalagens, iniciou as primeiras práticas de ecodesign usando como matérias primas, os resíduos de serrarias e outras indústrias de móveis. Como consultora e gestora de empresas na área de móveis, desenhou mais de 180 estofados e móveis serrados e planos, além de componentes, é autora de mais de 40 patentes.

Prêmio Nacional de Ecodesign em 2002, e IF PRODUCT DESIGN AWARD em 2008, prêmio Gestão e Meio Ambiente pela CNI na categoria Pequenas e Médias Empresas por duas vezes. Autora premiada de diversos produtos ecossustentáveis, constrói o seu conhecimento através do estudo e ação prática em equipes de colaboração, empresas e comunidade. É também  consultora em Gestão do design, Design estratégico e Design sustentável.

Trabalhou em desenvolvimento de comunidades empreendedoras e em projetos de Inovação Social em organizações como a FAO e Ministério da Integração e Sebrae, através do Dia, Design, Inovação e Arte. Professora nos cursos de Design de Moda, Produto e Gráfico da Universidade Tuiuti e Especialização em Gestão do Design. Atualmente é diretora do Instituto Nhandecy e conselheira de Cultura e Sustentabilidade do município de Curitiba.

Christian Ullmann

Homem , branco , hétero , racista em desconstrução

Insustentável – micro revolucionário – critico elíptico – maker predigitaldesigner porteño , formado em diseño industrial en la universidad de Buenos Aires – Argentina , reside no Brasil desde 1996 , trabalha com design estratégico , design exploratório e consultoria em design para a inovação e gestão – desenvolvendo ideias , signos , projetos , produtos , serviços , experiências e ecossistemas.
C
oordenador de projetos para empresas, governos e instituições do Brasil e Latino américa, seus projetos e produtos receberam prêmios na Itália , Espanha , Brasil e Argentina.
Sua área de maior interesse e investigação são as questões sociais e ambientais, que desde o ano 2000 foram redefinidas como desenvolvimento sustentável.
Entrando na terceira década do século XXI reorganiza suas ideais e pretende atuar na área do design para a inovação social dentro de um contexto de economia criativa para um sistema de economia circular.

Professor de projeto voltado para a sustentabilidade, inovação social e design estratégico. Coordenador de projetos do centro inovação IED Brasil.
Sócio-diretor da empresa iT Projetos

Ana Lizete Farias

PhD, Psicanalista

É graduada em Geologia, pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.  Fez mestrado em Geologia Ambiental e doutorado em Meio Ambiente e Desenvolvimento, ambos pela Universidade Federal do Paraná.

Desenvolveu sua  carreira realizando estudos ambientais em diversas áreas como consultora, coordenadora de planos de manejo de áreas protegidas, avaliadora de impactos ambientais, laudos técnicos e auditorias ambientais.

Trabalhou para agências e organizações internacionais, governo federal, instituições do terceiro setor, setor financeiro e indústrias.

Professora e pesquisadora acerca do sofrimento psíquico nas questões socioambientais.

“Não é por acaso que construí uma relação muito especial com o curso de Ecodesign. O desenho, o desenhar, ocupa, desde Freud, um lugar especial na psicanálise.  Expressa um  autorretrato do inconsciente” e, por isso, um  instrumento  com o qual, especialmente as  crianças, manifestam sua relação com o mundo, no tempo e no espaço. Desenhos, aprendemos com a psicanálise, são o  equivalente de sonhos, são em si mesmos sonhos, ou no dizer de Françoise Dolto, são “fantasias vivas” .

E na materialização do espaço criativo dos ecodesigners, eu também (re)construo novos jeitos de ver o mundo.”

 

Liliane Iten Chaves

Participou do Curso Técnico em Desenho Industrial pelo antigo CEFET-PR, hoje UTFPR (1984). Possui graduação em Licenciatura em Desenho pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná (1994), mestrado em Tecnologia pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (2003) e doutorado em Disegno Industriale e Comunicazione Multimediale – Politecnico di Milano (2007)

Finalizou seu pós-doutorado no Núcleo de Design e Sustentabilidade sob o tema “Design para a Sustentabilidade: levantamento de casos de Sistemas Produto-Serviços aplicados em Economias Distribuídas em Produção de Produtos e Design” (2018), organizando um livro sobre a Design para a Sustentabilidade – Dimensão Social. Atualmente é professor efetivo da Universidade Federal Fluminense, participando da fundação do curso de Desenho Industrial dentro da Escola de Engenharias da UFF. Trabalhou 9 anos no SENAI PR, Centro de Tecnologia da Madeira e do Mobiliário ministrando aulas e consultoria na área de desenho e design de móveis. Tem formação em Yoga pela ABPY.

Gabriela Garcez Duarte

Com 20 anos de experiência em Moda, já atuou em diferentes segmentos, desde a criação, figurino, estamparia, eventos, compras e varejo. É professora de Design desde 2010 e desde 2016, da especialização em Tendências e Coolhunting na PUCPR.

Em 2015 se atualizou em Ecodesign pelo Design Ao Vivo, momento no qual começou seu enfoque em Design para a Sustentabilidade e atualmente tem ampliado a pesquisa a partir da perspectiva sistêmica e societal da Economia Verde, por meio do doutorado em Design pela UFPR.

Também é mestre em Moda, Cultura e Arte pelo Centro Universitário Senac – SP, Bacharel em Desenho Industrial – Programação Visual pela UFPR (2005) e técnica em Moda e Estilismo Industrial pelo Senai PR (2001).

EDITE YAKECAN FAGANELLO

Edite Yekacan Faganello

 

Jardineira de plantas e de pessoas, Pedagoga, Eco educadora (para a prosperidade sustentável e cultura de paz). Agente de Paz e Designer social.
É especialista em Transformação de Conflitos e Estudos de Paz, em Jogos Cooperativos e Parapsicologia. Guardiã da comunidade Art of Hosting Brasil. Formação em Dragon Dreaming, Facilitadora de Jogos Cooperativos, processos circulares, e participativos. Prática há mais de 30 anos no desenvolvimento de pessoas em diferentes grupos e contextos. É facilitadora e coordenadora do Programa de Educação Gaia do Paraná desde 2011 e do Gaia RS 2018, cofundadora do Instituto Nhandecy e da Rede Semear – Paz e não violência – focalizadora de grupos de práticas de Comunicação Não Violenta e Transformação de Conflitos. Dançaria das Paz Universal certificada pela International Network of Dances of Universal Peace, tem como sua mentora Maria Lalla Cy Aché. Tem um encantamento especial pelas histórias das pessoas e pela Terra que se manifesta em cada Ser.

RAFAEL SOUZA

Formado em Bacharelado e Licenciatura em Ciências Biológicas e com MBA em

Gestão Ambiental pela UFPR, atua profissionalmente com foco em educação

ambiental e desenvolvimento humano e de comunidades. Possui experiência desde 2015 nas áreas de facilitação de processos colaborativos com foco em sustentabilidade, Design Thinking e Ecodesign, tendo participado de projetos apoiados pela UNITAR – Instituto das Nações Unidas para Treinamento e Pesquisa e projetos patrocinados pela Petrobras. Trabalha desde 2017 como educador social do Programa Aprendiz Legal, da Fundação Roberto Marinho.

 

Rosangela Nina Araújo

Sou Rosângela Souza Araújo, mulher cis, bissexual, tenho a pele parda, olhos e cabelos ondulados castanhos na altura dos ombros. Nasci e cresci em Curitiba-PR, uma cidade com fama de ecológica. O que ajudou a definir meus maiores objetivos da vida. Lá fiz mestrado em gestão ambiental, graduação em design, e em 2000 me tornei locutora de rádio e comunicadora internacional. Atualmente sou presidente da Associação Paranaense de Empresas e Profissionais de Design, a PróDesign>pr. 

Também sou consultora e professora universitária de Design para Sustentabilidade desde 2012. Atuo em cursos de graduação e pós graduação PUCPR, Unibrasil, Universidade Positivo, Centro de Pesquisa e Formação do SESC SP e Biblioteca Nacional, e já atuei com instituições como a Accenture, a DUCO, o SESC PR, Banco do Brasil, Ministério do Desenvolvimento, Ministério do Meio Ambiente, Apex/Centro Brasil Design e Prefeitura de Curitiba. Fiz produção cultural nos maiores festivais de Curitiba pela Santa Produção, criei e fui premiada por projetos sócio ambientais com a Tertúlia Produções Culturais e coordenei a gestão da qualidade e sustentabilidade do Festival Psicodália entre 2010 e 2019. Sou podcaster, criadora do @Sustentacto e dirijo os episódios do Podcast da Rede de Mulheres que Atuam em Design e Inovação @RedeMadi.

 

Daniela Piaggio

Educadora, mediadora e investigadora das interações humanas.

Dedica-se a promover o autoconhecimento e a transformação social através da criação, apoio e sustentação de comunidades.

É brasileira e escolheu a Costa Rica para viver e com-viver. 

É facilitadora do Centro Carta da Terra de Educação para o Desenvolvimento Sustentável (Costa Rica) e colaboradora da Secretaria Internacional da Carta da Terra.

É doutoranda em Educação e Mediação Pedagógica, é Mestre em Resolução de Conflitos, Paz e Desenvolvimento pela Universidade para a Paz (por mandato das Nações Unidas), tem especialização em Educação de Adultos e Processos Grupais, pós-graduação em Gestão Estratégica de Pessoas e Certificação Internacional em Análise Transacional – Área Organizacional. 

Desde 1999, atua em organizações públicas e privadas, liderando processos de aprendizagem para o desenvolvimento pessoal e coletivo. É docente em cursos de especialização e de aprimoramento presenciais e a distância desde 2008. 

Membro do Coletivo Nhandecy desde 2012. Cofundadora da E-coletivo e cofundadora da Rede Semear.
Crê firmemente no potencial humano.

Luan Valloto

É criador da marca @Luan Valloto ateliê de costura. Atua com o slow fashion, moda para a sustentabilidade, envolvido com materiais têxteis naturais e arte têxtil. Por paixão, faz inovação social em comunidades para a valorização da cultura das artes manuais.

Suas formações são: Designer de Moda pela UTFPR, pós-graduação em Ecodesign pela Design ao Vivo e em Moda e Gestão pelo SENAI, Mestre em Gestão Ambiental pela Universidade Positivo, Doutorando bolsista da CAPES na UP. Vencedor dos concursos 9° Prêmio João Turin e 13° Paraná Criando Moda.

NEI ZUZEK

Nei Zuzek é ecodesigner, escritor e hortelão agroecológico.

Argentino, formado em design na Universidade de Buenos Aires, mora em Curitiba desde 1996. Trabalhou em comunicação de marketing na Argentina, Paraguai e Brasil, atendendo clientes multinacionais de todas as áreas do mercado, desde serviços financeiros até cigarros.

Em 2005, junto com sua esposa, arquiteta e yogaterapeuta Claudia Vega fundou a Roda de Design, e com sua equipe de designers, arquitetos e comunicadores fizeram inúmeros projetos para toda América Latina.

Desde 2015 moram na chácara Ram Das Farm, na Ferraria, região do Passaúna, onde Nei virou também agricultor agroecológico com certificação orgânica, ativista ambiental e membro da diretoria da AOPA – Associação para o Desenvolvimento da Agroecologia.

Como escritor, atualmente trabalha também como ux writer para projetos internacionais. Publicou dois livros de contos e crônicas em espanhol (Personajes Secundarios na Argentina e El Embudo no Paraguai) e em 2020 lançou o seu primeiro livro em português: Cultura & Agricultura, disponível aqui: https://editorareler.com.br/product/cultura-agricultura/

O foco do Nei é o bem-viver para todos os seres que habitam o planeta, e os que o habitarão. Foi por isso que participou e recomenda sempre o curso de Ecodesign da Escola Design ao Vivo.

 

Amanda Kanasiro

Descobri a Design ao Vivo através de um folheto na cantina da faculdade e a palavra “biomimetismo” me brilhou os olhos! Mas, quando eu comecei a estudar e adentrar no universo da sustentabilidade e do ecodesign, percebi que o estudo era muito mais aprofundado e instigante do que eu imaginava. Não é apenas um estudo teórico aplicável em projetos de produtos ou serviços ecossustentáveis, é um novo olhar sobre tudo o que nos rodeia, é um estilo de vida.

O Ecodesign é uma prática, e, me arrisco a dizer, diária, pois como consumidores temos um poder de escolha consciente. Aprendemos metodologias, ferramentas e estratégias durante todo o curso que vão além do mercado, pois desde o começo, refletimos sobre nós mesmos e como nossas atitudes e escolhas afetam todos ao nosso redor, mesmo que indiretamente.

Acredito que o Programa de Ecodesign é transformador e portanto, recomendo à todos aqueles que estão dispostos a enxergar o mundo sob uma perspectiva holística e a serem agentes transformadores.

 

Rafael Camargo

Mestre em Educação, Pesquisador Doutorando na área de Pensamento Visual em Educação.

Designer Professor da PUCPR, trabalhou com facilitação visual em: TEDx Paris, TEDx Blumenau, Paralimpíadas Rio 2016, IDDS Amazon 2016 e Projeto Rondon 2019. Atuo com perfil de integração entre arte, design social e terceiro setor.